EIXOS TEMÁTICOS PARA TRABALHOS

1 - Geoconservação, Patrimônio geológico e mineiro
Este eixo reúne trabalhos de Geoconservação do patrimônio ligado as geociências, portanto fortemente vinculado a identidade humana local. Seja ele exposto em afloramentos, dito “in situ”, seja relacionado a coleções e museus, também conhecido como “ex situ”, ou ainda vinculado aos desdobramentos de uso de “recursos” de fonte geológica, ou seja a cadeia de mineração,recursos hídricos e energéticos,  desde a extração artesanal (garimpo) até a indústria tecnológica de ponta. Destaca para nossa identidade destes elementos.
2 - Geodiversidade e suas aplicações ao Geoturismo
Este eixo abrange trabalhos sobre os diferentes materiais e processos inerentes ao conceito de Geodiversidade(s): rochas, fósseis, solos, minerais, paisagens, água, cavernas, oceanos, bem como trabalhos sobre modelagem/mapeamentos de Geodiversidade(s), métodos para análise e integração. Inventários locais e regionais e suas metodologias, bem como as aplicações possíveis destes estudos.
3 - Patrimônio Paleontológico e Museus: Pesquisa e Legislação
Neste eixo é destacado o Patrimônio Paleontológico, carro chefe do Geopark Araripe, e que nos eventos anteriores ainda não se apresentou de forma substantiva, destacada. Pretende-se discutir as ocorrências e coleções, incluindo aspectos relativos à conservação, legislação e as polêmicas sobre o controle de sua saída do país ou venda por comunidades tradicionais.
4 - Geoturismo e Desenvolvimento Local
Eixo onde se espera aprofundar o debate sobre as possibilidades e experiências de uso do geoturismo para desenvolvimento local, de base comunitária. Pretende-se discutir metodologias de trabalho e análises geoturísticas e resultados já percebidos pela implantação de projetos de geoturismo para o desenvolvimento local.
5 - Geoparques e a AGENDA 2030 da UNESCO para o Desenvolvimento Sustentável
Eixo centrado na compreensão das relações entre os Geoparques e a Agenda UNESCO 2030, das formas de apresentação e viabilização de Geoparques frente aos desafios impostos pelo atendimento à Agenda 2030. Pretende realizar oficina, travar debates teóricos e exemplos práticos de integração com a experiência dos geoparques já em funcionamento na América Latina e Caribe e, ainda, discutir as propostas brasileiras e os apoios para desenvolvimento e apresentação das mesmas, ,como a formação do Comitê Brasileiro de Geoparques.
6 - Educação em Geociências: ensino, aprendizagem e metodologias ativas
Este eixo, relacionado à Geoeducação, pretende buscar material e discussão entre educadores, pedagogos, e outros profissionais quanto aos aspectos metodológicos e teóricos sobre ao ensino de Geociências, em especial àqueles voltados para o aprendizados de questões voltadas à Geoconservação. Incentiva-se aqui, o relato e a troca de experiências, em Geoparques ou não, vinculadas aos temas de interesse.
7 - Geoética, Mídias, Comunicação e Popularização
Este eixo aborda novas temáticas nos SBPG´s, que contribuem e são extremamente relevantes para a Geodiversidade, a Geoconservação, o Geoturismo e os Geoparques e com estreita relação com a Geoeducação, e desaguam no provável sexto G: a Geoética. De forma macro, a educação para as Geociências inclui aspectos da ética, e da importante e necessária divulgação e seus formatos, além das discussões didático – pedagógicas próprias de como realizar, que mídias utilizar e que públicos abordar no processo de popularização.  Em todos estes itens, incentiva-se o relato e a troca de experiências diversas, bem como de suas avaliações, envolvendo trabalhos sobre práticas e desafios em espaços concebidos, percebidos e vividos.

 

As apresentações orais ocorrerão nas datas e horários divulgados na página do evento na internet.

 

INFORMAÇÕES GERAIS:

Todos os resumos aceitos serão apresentados em formato oral ou painel e serão incluídos nos Anais do V SBPG, em Formato PDF. Além da publicação nos Anais do V SBPG, aos autores que desejarem está aberta a possibilidade de que os resumos APRESENTADOS NO EVENTO sejam publicados como trabalhos completos em número especial da Revista de Geologia da Universidade Federal do Ceará (UFC).

Neste caso, os trabalhos devem seguir as normas e os critérios de revisão da revista, que podem ser encontrados neste link: http://www.periodicos.ufc.br/geologia/about/submissions#authorGuidelines. Os prazos para submissão dos trabalhos completos serão divulgados oportunamente.

 

Seguem abaixo as normas para apresentação dos trabalhos nas modalidades oral e pôster: